A Espiritualidade na quaresma da Misericórdia.

Olá amigo Pascom, tudo bem?

     Os cristãos são convidados a tomar com Cristo o caminho do deserto, o caminho rumo a Jerusalém, como o povo de Israel, rumo a Terra Prometida. É um caminho de êxodo, de passagem, onde devemos praticar o jejum, penitência,oração e esmola.

      Tempo de crescimento espiritual. É tempo de investir na conversão e continuar a busca do crescimento em Cristo. Para isso, torna-se indispensável uma atenção constante sobre si mesmo, movida pelo amor de Deus, que é infinitamente Misericordioso. A busca do bem, marca a existência cristã em todos os seus aspectos, mas a quaresma chama para a necessidade de não só fazer o bem, mas combater o mal constantemente.
A quaresma da Misericórdia.
Para viver esta quaresma da Misericórdia, é preciso investir no conhecimento profundo em Cristo, é preciso ter uma decisão firme e corajosa de ser entregar a Cristo, igual aos Santos.

      São vários caminhos para crescer na conversão: Os Sacramentos da Eucaristia e da reconciliação das verdades fundamentais da fé, a oração pessoal e comunitária e a caridade. O mais importante é o desejo de se entregar a Cristo, que deve traduzir-se na caridade para com o próximo. Queridos,  o nosso Papa Francisco nos fala do ano da Misericórdia,  que possamos aproveitar estes exercícios quaresmais e incluí-los a Misericórdia.

Texto : Diácono Alexandre

_____________________

Pascom São Benedito Pilares.

Pároco: Padre Mazine

Av. Dom Hélder Câmara nº 6.653 – Pilares

 

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: