CREIO EM DEUS PAI…

cruz_oracaoHoje vamos falar, não falar, mas apresentar a vocês um exercício de aprofundamento do Credo. Aquela oração que muitas vezes rezamos, ou apenas repetimos mecanicamente sem saber a força que tem essa oração.

Padre Thiago Bartoli, Vigário da Paróquia São Benedito – Pilares, sempre reforça que precisamos rezar esta oração, que se soubéssemos sua força não deixaríamos de reza – lá.

 Então vamos ao exercício de aprofundamento?

1° Passo: LEITURA DA ORAÇÃO DO CREDO.

Pegue a oração e leia atentamente.

oraes-para-catquese-infantil-4-638

2° Passo: MEDITAÇÃO.

gestao-copia1Momento de silêncio interior, lembrando o que leu. Mergulhar, concentrando – se, na oração, numa espécie de memorização. Refletir, ruminar, repetir as palavras mais significativas da oração. Ver bem o sentido de cada frase. 
Alargar a visão, ligando as frases com os textos bíblicos que lhe vierem à memória.
Aprofundar e aplicar a mensagem no hoje de sua vida de comunidade.

3° Passo: ORAÇÃO.

renunciando-suas-proprias-vontades-73Rezar a oração, respondendo a Deus.

Conversar com Deus a partir da oração do Credo.

Responder as perguntas que surgirem da oração e da reflexão.

Ter uma atitude de perdão, adoração, louvor, agradecimento, compromisso…

*Mesmo que nesse ponto o desânimo bata, não pare! Você consegue!

4° Passo: CONTEMPLAÇÃO

versiculos_para_meditarMergulhar no mistério de Deus presente nesta Profissão de Fé: senti-lo presente, saborear sua presença e os sentimentos que essa presença desperta em você. 
Procurar, agora, ver a realidade desta Profissão de Fé com olhos de Deus. 
Escolher uma expressão da oração, como resumo, para memorizar.

* Eu já escolhi a minha!

“Creio no Espírito Santo: Na Santa Igreja Católica; Na comunhão dos Santos; Na remissão dos pecados; Na ressurreição da carne; Na vida eterna.”

Vamos lá!

Continuando…

Formular um compromisso de vida a partir do Credo.

5° Passo: AVALIAÇÃO

3*Qual expressão mais me toca no Credo?

*Quais os sentimentos que me afetaram mais intensamente durante este exercício?

* Quais os apelos ou impulsos mais urgentes?

*Quais as resistências mais sentidas durante este exercício?

Bom, esse é um exercício que pode não só ser usado no Credo, mas em vários momentos de leitura da Palavra, e outras orações. 

Por hoje é só! 

A paz de Cristo!images-8

Fonte:

Livro: Reflexão sobre o Catecismo da Igreja Católica para a Família.

Autor: Padre José Carlos Pereira, CP

Editora: A Partilha

LEITURA ORANTE DA PALAVRA DE DEUS.

Olá! Nesse mês de Setembro, um mês dedicado a Bíblia, nós iremos trazer matérias e mensagens sobre a Sagrada Escritura.

Já pensou ou já fez Leitura Orante/Lectio Divina, em grupo, sabe como fazer?
Vamos lá!

images-4
SUGESTÃO PARA LEITURA ORANTE FEITA EM GRUPO

“Jesus apresentou – se no meio deles e lhes disse: ‘A paz esteja com vocês!’. Em seguida, abriu – lhes a mente para que entendessem a Escritura. E disse ainda: ‘O Espírito Santo que o Pai enviará em Meu nome vos ensinará tudo e vos recordará tudo o que eu vos disse. Ele vos conduzirá a verdade plena'” ( LC 24,36.45; Jo 14,26; 16,13)

leitura_orante

1. ACOLHIDA, ORAÇÃO

* Acolhida e breve partilha das expectativas.
* Oração inicial, invocando a luz do Espírito Santo.

2. LEITURA DO TEXTO

* Leitura lenta e atenta, seguida por um momento de silêncio.
* Ficar calado, para que a Palavra possa calar em nós.
* Repetir o texto em mutirão, tentando lembrar – se de tudo o que foi lido.

3. O SENTIDO DO TEXTO

* Trocar impressões e dúvidas sobre o teor do texto.

* Se necessário, ler novamente e esclarecer – se mutuamente.

4. O SENTIDO PARA NÓS

* Ruminar o texto e descobrir o seu sentido atual.

* Aplicar o significado do texto à situação em que vivemos.

* Alargar o sentido, ligando – o com outros textos da Bíblia.

* Situar o texto no plano de Deus que se realiza na história.

5. REZAR O TEXTO

* Ler de novo o texto com toda a atenção.

* Momento de silêncio para preparar a resposta a Deus.

* Rezar o texto, partilhando as luzes e forças recebidas.

6. CONTEMPLAR, O COMPROMETER – SE

* Expressar o compromisso a que a Leitura Orante nos levou.

* Resumir tudo numa frase para levar consigo durante o dia.

7. UM SALMO

* Achar um Salmo que expresse tudo o que foi vivido no encontro.

*Rezar o Salmo para encerrar o encontro.

PS.: Pode ter uma música pra acompanhar esse momento!

Agora é com você!

Faça a Leitura Orante com amigos, grupo jovem, catequese… Enfim. Não deixe a graça passar!

A paz de Cristo, e até a próxima!

Logo abaixo a fonte:
Leitura Orante da Bíblia
Texto: Frei Carlos Mesters, oc
Você pode adquirir esse livro na Paulinas, ou alguma outras livrarias católicas!

otempo-de-deus-730x410

2

JOVEM AGRADECE O ENCONTRO VOCACIONAL EM ITAIPAVA.

3 (9)Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo! A Paz irmãos e irmãs!

É com grande alegria e ardor que nós temos a oportunidade de participar junto ao Grupo Vocacional Suburbano e a Pastoral Vocacional da Paróquia São Benedito, do retiro de convivência e vocacional em Itaipava.

O local nos propicia um profundo discernimento do chamado de Deus em nossas vidas , além de contribuir para o nosso crescimento espiritual e pessoal, visto que a troca de experiência entre os participantes fortalece cada vez mais a nossa fé.IMG_0084

A equipe de formação, sob o comando do Monsenhor José Mazine, nos leva a refletir sobre a nossa missão neste mundo, ficando aqui nossos protestos de parabenização e agradecimento pelo carinho disponibilizado a todos os jovens da Arquidiocese do Rio de Janeiro.

Alexandre da Rocha Abril

 

Alexandre da Rocha Abril

Vocacionado da Paróquia de Nossa Senhora da Apresentação – Vicariato Suburbano.

PALAVRA DO PÁROCO PARA O MÊS DE AGOSTO.

IMG_9883Todo ano celebramos no mês de agosto as vocações; seja para a vocação específica de consagração ao sacerdócio, vocação ao matrimônio, vocação religiosa e a vocação ao laicato. Na Igreja, estas vocações são de serviço a Deus e aos irmãos.

Em nossa Paróquia São Benedito, localizada no bairro de Pilares, estas vocações são uma realidade viva, pois os leigos estão trabalhando na evangelização, nas Pastorais e movimentos. Daí surge muitos frutos! Com fé engajadora, fé que não se cansa; o povo de Deus vai sendo formado e o resultado é o engajamento das pessoas nos diversos setores para fazer a comunidade viva.

i767952Vocação a vida cristã, temos!

Vocação a vida sacerdotal, temos!

Vocação ao matrimônio, como temos!

Vocação a vida consagrada é preciso trabalhar muito e muito mais!

 

Nossa comunidade paroquial tem orado e trabalhado com empenho e alegria.

IMG_8484Vamos rezar com mais firmeza e apoiar todas estas vocações para que o Reino de Deus cresça mais e mais através da doação generosa de todos.

Viver como batizado, cada dia o seu batismo, será vida!

Monsenhor Mazine.

Vocação à vida em família.

Salve Maria!!
“Na segunda semana, nossa atenção volta – se para a vocação à vida em família, que tem seu fundamento no sacramento do matrimônio. A vida matrimonial também é um ministério, é participação no sacerdócio comum (não ordenado), por meio do qual se celebram o amor e o dom da vida, em colaboração com a obra criadora e salvífica de Deus. A vida familiar deve ser respeitada e valorizada, pois, em cada lar cristão, fundamenta – se a igreja doméstica, lugar privilegiado no qual os casais devem elevar, a cada dia. A oração, a meditação e o ensino da palavra de Deus e das coisas sagradas.”

Fonte: Livro Detetive Católico

2

Qual é a sua vocação? | Mês vocacional

Salve Maria!


Qual é a sua vocação? Para refletirmos sobre essa pergunta, e sobre esse mês dedicado a vocação, vamos nos basear num texto tirado do livro ‘ O Detetive Católico ‘.
Pois bem. “Nosso primeiro chamado é para a vida, para a comunhão com Deus e com o próximo. A isso denominamos vocação fundamental à santidade e, sobre essa disposição, desenvolve – se uma forma específica de serviço a Deus e aos homens. É o meio pelo qual, de modo livre e generoso, tornamo – nos realizados aqui neste mundo, enquanto aguardamos o dia em que nos uniremos para sempre com aquele que nos redimiu.”
Nesse mês de agosto como disse acima, é costume da Igreja no Brasil, dedicarmos nossas orações, e reflexão em relação ao tema das vocações. E em cada semana encontraremos uma forma específica de vocação. E vamos juntos também em nossa rede apresentar um pouco de cada uma pra você!
Fique ligado! 😉😉

“Não fostes vós que me escolhestes; fui eu que vos escolhi …”  (Jo 15,16)

NÃO SEJA ESCRAVO!

Eliseu Antonio Gomes _ Belverede _ Seja Mais que VencedorNão seja escravo, não aja somente para compensar uma decepção, não se submeta só para ser aceito, não se deixe levar por momentos sedutores, não venda sua integridade, não troque sua paz por nada.  Estabeleça regras para você mesmo, com certeza elas te livrarão de tudo aquilo que poderá te prejudicar, te ajudará a fugir de tudo que aparenta ser bom, mas que esconde um dano futuro talvez até irreparável. Assim, quando se sentir antiquado por ter estabelecido algumas regras pense que, regras não são para te prender, mas para te libertar daquilo que pode vir a te escravizar.
Bom dia!
Minha benção

Diácono Glén Borba.

clamor“Porquanto não recebestes um espírito de escravidão para viverdes ainda no temor, mas recebestes o espírito de adoção pelo qual clamamos: Aba! Pai! O Espírito mesmo dá testemunho ao nosso espírito de que somos filhos de Deus. E, se filhos, também herdeiros, herdeiros de Deus e co-herdeiros de Cristo, contanto que soframos com ele, para que também com ele sejamos glorificados. Tenho para mim que os sofrimentos da presente vida não têm proporção alguma com a glória futura que nos deve ser manifestada.”

Romanos 8, 15-18.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑